MENU

Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

Felipe Lima vence em Edmonton e começa a dar as caras no campeonato.


Prova canadense foi a terceira da temporada, contando com 15 carros após varias ausências a etapa era tida como uma das mais difíceis pelo fato dos pneus desgastarem bastante no asfalto abrasivo do circuito, mas a corrida rolou de forma intensa e bem disputada sendo uma das grandes etapas da temporada.

QUALIFICAÇÃO:
Felipe Lima da MS-2 Motorsports fez a pole position da prova com 52.626, enquanto Rodrigo Vicente (BSP Racing) líder do campeonato saiu em segundo lugar com o tempo de 52.879, Cadu Maciel (BSP Racing) e Diego Said (Black Wings), ainda fecharam o TOP 10, Ricardo Prediger, Cristiano Gomes, Levi Ávila, Paulo Rodrigues, Cyro Santana e Luciano Rocha.



CORRIDA:
A Etapa teve um começo calmo em virtude da largada de segurança. A corrida contou com 4 bandeiras amarelas, onde a primeira parte a estratégia de prova se tornou comum todos pararem juntos em virtude do alto desgaste de pneu da etapa, A etapa contou com 4 trocas de lideranças sendo a maior parte das 57 voltas, tendo 29 lideradas por Felipe Lima que ao final da corrida, venceu a primeira prova na temporada e mesmo com uma corrida a menos, entra na briga pela titulo, Rodrigo Vicente mantendo a constância nos resultados, passou em segundo lugar e no final sai ainda como líder do campeonato, Nathan Marchon (Black Wings FSW) fez o terceiro lugar na corrida.



PROTESTOS E PUNIÇÕES:
Direção > Paulo Tchachalowski – ESC Sem esperar a permissão do diretor de provas - largada dos boxes na próxima etapa.

Direção > Felipe Lima - +1 pt na carteira – Não obedecer ordem do diretor de provas. (o piloto fica de observação até o final da temporada)

Cadu Maciel > D.Said - +20s, +2 pts na carteira, toque fazendo adversário rodar e ter prejuízo.


PONTOS NA CARTEIRA:




CAMPEONATO DE PILOTOS:



CAMPEONATO DE EQUIPES:



PRÓXIMA ETAPA:

A categoria agora descerá um pouco mais no mapa, e seguirá rumo ao México para o GP de Fundidora Park, circuito que a CART e Champ Car usaram durante os anos de 2001 até 2006. ficando numa espécie de parque em uma antiga fundidora, por isso o nome Fundidora Park.




VT DA ETAPA: